Feijoada da Apcef/MS promove integração dos empregados da CEF em Dourados | Portal

Notícias da Apcef

08.04.2019
Feijoada da Apcef/MS promove integração dos empregados da CEF em Dourados

feijoada_dourados_topo.jpg

A Feijoada da Apcef/MS movimentou a Subsede de Dourados no último sábado, dia 6 de abril. O dia começou com uma partida de futebol com a presença de diretores da associação e empregados da Caixa. Mesmo com o tempo chuvoso, os associados compareceram com a família.

De acordo com o presidente da Apcef/MS, Jadir Garcia, o objetivo é integrar as subsedes e empregados da Caixa e também discutir direitos trabalhistas. “É um momento de lazer, descontração, e, além disso, a gente aproveita para discutir a situação da Caixa, a defesa dos interesses dos empregados e também apresentar os projetos disponíveis na Apcef e na Fenae para os empregados que ainda não conhecem”.

JADIR_FRAGAS.jpg ZANI.jpg

O vice-presidente da Apcef/MS, José Zani Carrascosa, também considera que a ação é uma forma de promover integração e trazer informações para os associados de Dourados. “A gente tem condições de estar trocando ideias, confraternizando com colegas da ativa e com os aposentados. Isso é muito bom para nossa associação”.

Representantes da Fenae, Agecef, Fenag, AEA, Fenacef e Sindicato dos Bancários de Dourados e região também prestigiaram o evento.

O presidente da Fenae, Jair Ferreira, destacou a importância de projetos da federação como os Jogos Regionais, falou sobre a participação da subsede de Dourados no Talentos Fenae no ano passado e lembrou dos empregados que foram sorteados para o Inspira Fenae 2019. Ele também aproveitou a oportunidade para falar sobre os ataques à Caixa e as condições de trabalho.

"Nós estamos vivendo um momento que carece de muita resistência, muita determinação, e, principalmente, muita união. Nós estamos vivendo um período em que a Caixa está sob ameaça de novo. De 2016 pra cá, nós perdemos 17 mil vagas de trabalho dentro da Caixa. São as pessoas que se aposentaram ou que saíram com os PDVEs e a Caixa não contrata mais gente. Isso é ruim. Significa que as nossas condições de trabalho estão piorando, nós estamos trabalhando sob pressão, por meta, por produção”.

Ferreira manifestou a preocupação com a venda de ativos do banco e informou ainda que, esta semana, a entidade quer apresentar um projeto de lei no Congresso para barrar a tentativa de retirada do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) da Caixa. “Até 1991, o fundo de garantia era espalhado nos bancos. Nós fizemos um esforço difícil na época e centralizou na Caixa. Foi um movimento dos trabalhadores, das centrais sindicais, de todo mundo. Sem o FGTS, a Caixa perde um grande volume de recurso que gera renda para o país e emprego para todos nós”.

JAIR-FERREIRA.jpg PAULO_SILAS.jpg

Para o presidente da Agecef, Paulo Ribas, a confraternização fortalece a união dos empregados e a integração entre as entidades representativas, que são fundamentais para a defesa da Caixa e dos trabalhadores. “A gente se sente privilegiado e grato pela Apcef do Mato Grosso do Sul se preocupar com as subsedes. É muito importante a Fenae, Fenag e outras entidades estarem próximas, porque nós estamos passando por mudanças de gestão. Mesmo tendo pontos de vista diferentes em algumas situações, todas as entidades vão buscar sempre melhores condições de trabalho, buscar a valorização da Caixa, buscar a Caixa 100% pública. Estando juntas, nós vamos ter uma força maior”.

A programação da feijoada contou com música ao vivo e também brinquedos para a criançada.

PARA VER A GALERIA DE FOTOS CLIQUE AQUI

Por: Assessoria de Comunicação da Apcef-MS

Compartilhe:
Voltar

LINKS ÚTEIS

Atendimento APCEF

  • apcefms@apcefms.org.br
  • APCEF/MS - Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal
  • Rod BR 163 Km 05 Saída para São Paulo,nº 9.253 Vila Santa Felicidade
  • CAMPO GRANDE – MATO GROSSO DO SUL
  • TEL: (67) 3393-1379
  • CLL: (67) 99202-3086